Mensagens

O que une estes homens?

Imagem

ficções e fixações

Imagem
não percebo nada de economia, nunca percebi e tenho a desconfortável sensação de que nunca hei-de perceber...
há uns anos adquiri o livro "economia", de Paul A. Samuelson e William D. Nordhaus, por ser tido como um manual que os estudantes do 1º ano da licenciatura em economia estudavam. encalho logo no 1º capítulo quando os autores começam a explicar o que são gráficos, linhas, curvas e o diabo a sete. ao fim deste tempo, anos, ainda estou a meio do 1º capítulo e penso abandonar a tarefa aos meus netos.
Também comprei, este mais recentemente, O capital no século XXI", de Thomas Piketty, e em duas versões, a original, francês, e português. este ainda é pior. mal começo vejo-me enredado em rendas, rendimento de imóveis, de terras, de capitais, do trabalho, enfim, fico com um bloqueio ainda maior que aquele que ficava quando na escola industrial e comercial de portalegre, escolhi como área vocacional para completar o meu ensino secundário (10º e 11º anos) a á…

de uma boa ideia a uma ideia péssima vai o passo de uma velha

Imagem
há uns meninos, cujas idades vão da adolescência até aos quarentões, membros de grupos ambientalistas e de defesa animal que do fascismo não conheceram nada nem as farinhas 33 e amparo, cujos pais por contraponto à educação demasiado rígida que sofreram lhes deram uma educação totalmente permissiva, nunca souberam o que é uma palmada no rabo para corrigir um comportamento desviante ou birrento, por isso persistem no desvio e na birra, da liberdade aprenderam que serve para fazerem tudo o que querem e lhes apetece nunca aprenderam a respeitar a liberdade do outro, daí que quando se confrontam com alguém que não pensa, não gosta e não age como eles, ficam baralhados, incapazes do diálogo e do respeito pela diferença, vêem-se na contingência de exterminar a diferença, seja por decreto e se necessário cala-se ou extermina-se o tal outro, ser estranho e imprevisto no pequeno mundo destes pequenos ditadores.
na semana passada, as televisões passaram vídeos em que sob o pretexto…

duche de ética

Imagem
como eu compreendo rui rio, homem sério, honesto, impoluto que chega, nestas suas características, a ser arrogante.
tomou a presidência do psd em fevereiro último, prometendo-nos um banho de ética, isto num país que pelo menos desde o tempo de eça que precisa de um banho de benzima.
quando rio pensava que iria pelas auto-estradas de portugal, trabalhar com as concelhias e distritais do psd de modo a levar esse banho às estruturas do partido espalhadas pelo país, logo se apercebeu que afinal o tinham enfiado numa velha picada da guerra colonial, daquelas na guiné ou das terras do leste, fim do mundo em angola, minadas por todos os lados.
habilmente ou mais à bruta, rio lá tem resistido, mas agora até o que lhe é mais próximo o fere nas suas mais firmes convicções, rui rio formou-se éticamente pela mais forte e rígida, a ética alemã e sabe muito bem que é falta dela alguém abotoar-se a 69€ (que lindo número), como o é a 69000000.
isto de josé silvano ganhar o dom da ubiquidade e picar o…

D

indignações comichões

Imagem
O presidente do Sporting despediu o treinador Peseiro. Desde criança já assisti, talvez, a milhares de despedimentos de treinadores, a jogadores a serem colocados a treinar à parte, a serem vendidos e trocados quase como se fossem escravos. Apesar de saber que treinadores e jogadores de futebol usufruem de estatutos de trabalho especiais, a tentar condizer com a duração, especificidade da profissão e o nível de vencimentos que auferem. Tenho para mim que mesmo que uma pessoa qu aufira um vencimento bastante chorudo isso não dá à entidade patronal o direito de o tratar sem dignidade humana, caso que acontece claramente quando mandam um jogador treinar à parte, ainda que continuem a pagar-lhe o salário na totalidade. Voltemos ao Sr. Peseiro, como disse, desde criança já assisti a bastantes despedimentos de treinadores, o que nunca tinha visto foi esta onda de perplexidade, solidariedade e indignação que varre a sociedade portuguesa, perante o despedimento do Sr. Peseiro, parece que o pre…